Número total de visualizações de página

quinta-feira, 5 de Maio de 2011

"O 19º ALMOÇO DE CONVIVIO ANUAL DOS MARINHEIROS DA ARMADA DE 1973"

Caros amigos:
No dia 30 de Abril de 2011, a aldeia de Cortecega foi uma vez mais um local escolhido para um grande evento.
Pois, os ex-militares "Filhos da Escola de Abril de 1973" da Marinha Portuguesa, no âmbito da sua comemoração da 19º convívio e 38º Aniversário, escolheram esta nossa Associação para ali se reunirem e confraternizarem mais um ano.
O almoço começou a ser preparado no dia anterior com todos os voluntários que ali se deslocaram e assim deixaram as suas casas para que tudo corresse bem. E assim aconteceu. Os nossos amigos visitantes, eram cerca de 130 e foram muito bem recebidos com a já habitual alegria e boa disposição.


Ficaram, segundo nos confidenciaram, maravilhados com a comida que era simples, mas muito saborosa a qual já estamos habituados.
O almoço começou a ser servido por volta das 13 horas e prolongou-se por toda a tarde.
A ementa foi :
Entradas; Sopa à moda da aldeia; Bacalhau Dourado, não esquecendo claro, a nossa deliciosa broa de milho, arroz doce, aletria, pudim e fruta.
A tarde foi complementada com o porco no especto, este já por conta dos organizadores deste evento.
Seguiu-se a animação com o baile, onde podíamos encontrar desde as concertinas tocadas pelo Sr. Acácio Bandeira e pelo Américo Santa Cruz, às danças protagonizadas por todos os presentes, e também pelo fado tradicional desta terra, cantado ao desafio.
Aproveito este blog, para agradecer ao Sr. Carlos Jesus e ao Sr. Mário Gomes (organizadores do evento) por terem escolhido a nossa Associação, assim como a todos os marinheiros e seus familiares.
Não podemos esquecer o gesto nobre que os mesmos tiveram, ao fazerem um peditório para angariar algum dinheiro para ajudar a pintar o salão da nossa Casa de Convívio de Cortecega.

Um Bem-haja a todos!


Coloco em baixo, algumas das fotos que me foram enviadas pela Carla Barbosa, a quem agradeço, para que um dia mais tarde, todos possamos recordar este dia maravilhoso.
Clique em cima da foto para a ver em tamanho real.


O Aspecto geral da Sala.

A Tradicional Broa de milho, cozida no forno a lenha.

Os Familiares dos Marinheiros.

Todos a ouvir o discurso.

O Bolo de Aniversário e os organizadores a discursarem...

O Grupo dos Marinheiros e o Porco no especto....

O Baile começou!...

Antes trabalharam!... agora tocam,dançam e cantam....


Os transportes dos Visitantes....

Sem comentários:

A MINHA ALDEIA

" Da minha aldeia vejo quando da terra se pode ver no Universo....
Por isso a minha aldeia é grande como outra qualquer
Porque eu sou do tamanho do que vejo
E não do tamanho da minha altura...

Nas cidades a vida é mais pequena
Que aqui na minha casa no cimo deste outeiro.
Na cidade as grandes casas fecham a vista a chave,
Escondem o horizonte, empurram nosso olhar para longe de todo o céu,
Tornam-nos pequenos porque nos tiram o que os nossos olhos nos podem dar,
E tornam-nos pobres porque a única riqueza é ver. "
Alberto Caeiro, em "O Guardador de Rebanhos"